Hegel, adaptações e fusões

Conflict_of_Interests

Seria arbitrário se tentasse em um texto tão pequeno, desmembrar a síntese do pensamento de filósofos profundos e extensos, por isso, minha intenção é gerar reflexão a partir de um ponto e daí por diante, é com você.

Hegel foi um filósofo que influenciou diversos grandes pensadores das gerações seguintes.

Entre tantos textos, vou me limitar ao resumo do método dialético.

A dialética é um tema explorado por diversos filósofos anteriores, mas em Hegel, ela toma uma nova dimensão.

Ele acreditava que toda tese sofre o conflito contrário da antítese, sendo que o impacto dessas duas forças gera uma terceira, a síntese.

Portanto, nada permanece como é, originalmente.

O mundo e seus processos estão em constante mudança.

Entre tantos processos dialéticos, da luta contrária para gerar uma terceira concepção, observamos em nós mesmos a luta entre o nosso consciente e inconsciente.

Ou vemos a morte como a antítese da vida, gerando em nós sua valorização e busca permanente de sobrevivência, o que seria a síntese.

Talvez em um casamento onde idéias e conceitos diversos terão que se adaptar, temos mais um exemplo de sua teoria.

Trazendo isso para a nossa realidade, mais especificamente, dentro de sua empresa, como você concilia lucro com contratação?

Expansão e estagnação?

Retração do mercado com suas crises e a sua necessidade de expansão?

Cada passo que você der, direcionar o seu setor, ou ainda sua empresa, sofrerá a interferência de passos contrários, a antítese que tentará e inevitavelmente transformará suas decisões, em adaptações terceiras, sendo assim, você está pronto e consciente para isso?

Como então se programar e avançar, sabendo que forças contrárias virão e atuarão como oposição às suas ações?

Com a consciência de que das mais simples, as mais completas ações, você sofrerá interferências.

Costumo andar de bicicleta, quase todos os dias, em média uns 40 quilômetros.

Várias forças atuam contra essa minha decisão, as vezes um tempo chuvoso, as vezes um vento contrário que faz com que eu perca meu rendimento, ou até mesmo o meu limite físico que me impõe dificuldades na medida em que tento forçar o ritmo e ser mais rápido.

Fazer o seu trabalho achando que não sofrerá interferências e, portanto, não se precavendo contra elas é o mesmo que andar de bicicleta acreditando que o tempo não fecha, o vento não existe e que teu sistema muscular e cardiovascular é ilimitado e jamais se cansa.

Tome como exemplo um caso onde podemos exemplificar bem o método dialético, fusões empresariais.

Quando uma grande empresa, bem sucedida, adquire outra, igualmente bem sucedida, com funcionários competentes, ações acertadas e históricos positivos, a primeira tese sofrerá confrontos, disputas nascerão, crises isoladas e coletivas, posicionamentos com fundamentos sólidos confrontarão posicionamentos enciumados, perdas de território, etc…

Os gestores líderes do processo de acerto das fusões tem que ter a experiência de equilibrar essas forças contrarias já que serão os responsáveis por entenderem e adaptarem o método dialético.

Deverão saber equilibrar as forças determinantes, moldar as que deverão ser alteradas e criar a síntese da linha de continuidade e criarão uma terceira empresa, com terceiros contextos, adaptados das duas forças iniciais, os pontos fracos, fortes e estruturando seus alicerces.

É na consciência e preparação para todo confronto, que inevitavelmente virá, que está a solução mais elaborada, fortalecida e engrandecida de qualquer processo, seja em tua vida sentimental, profissional, corporativa e existencial.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s