Você é um empreendedor?

Alguns mistérios seguem sem resposta, ainda que a ciência avance e diversos estudos se direcionem para entender quem somos.

De acordo com o que fomos, crescemos, experimentamos, caminhamos para determinada direção e decidimos por vias que muitas vezes, nós mesmos, não podemos explicar.

Por que, em um momento crucial, decido virar para a “esquerda” e não para a “direita”?

Essa decisão mudará minha vida de que forma?

Quero analisar com você como é a mente do empreendedor… o que encontra desafios, os ultrapassa, cai, levanta, encontra alternativas, passa crises, dificuldades mas teima em seguir.

O empreendedor é sobretudo teimoso.

Para os que acertam, sua teimosia é uma virtude.

Para os que não encontram o ponto exato do sucesso, sua teimosia será seu calcanhar de Aquiles.

São pessoas que constroem um negócio de valor, muitas vezes a partir do nada.

Em outras, fazem crescer o que já é, aperfeiçoando e desenvolvendo suas estruturas.

O bom empreendedor tem que estar sempre atento, pois na medida que uma empresa se torna bem sucedida e cresce, tende a estagnar, vão se paralisando e permanecem estáticas em seu gigantismo, mudando suas posturas, práticas e mentalidades.

Você é capaz de manter seu espírito empreendedor, arriscando, desenvolvendo, idealizando, experimentando, mesmo durante o sucesso e quando tudo o que um dia foi planejado, está sendo?

Ainda que muitos vejam o empreendedor como um capitalista ganancioso que visa lucro, acima, abaixo e ao lado de tudo, esquece que são os motores da sociedade.

Um país é bem sucedido, tem empregos, cria novas tecnologias, serviços, facilidades, graças ao empreendedorismo.

Tudo o que você tem em casa, veio a partir de um deles…

Esse teu computador, um deles criou…

Acredito que se os que empreendem fossem vistos com os olhos que merecem, pelo governo, viveríamos em um país bem melhor. Ainda que o Brasil viva uma boa fase, o disparate social ainda é enorme e estamos longes de estarmos onde poderíamos estar.

Cargas altíssimas de impostos sufocam, pressionam e muitas vezes esmagam.

O presidente da grife italiana Ermenegildo Zegna, que cria os ternos mais conceituados do mundo, diz que montar uma empresa no Brasil é pilotar uma Ferrari em pista de terra, ou seja, você tem todo o  equipamento mas não pode acelerar muito. Dizia isso ao se referir aos tantos impostos que fazem com que TODA empresa tenha que diminuir sua marcha.

Criar, contra a maré desgasta, ao mesmo tempo em que te fortalece.

É por isso que temos, no Brasil, profissionais do mais alto nível, já que precisaram, a força, se adaptar e não deixar a construção desmoronar.

Com técnicas, qualificações, estudos, vão caminhando e seguindo, muitos não se baseiam em experiências de outros.

Ainda, é interessante notar que 90% dos livros de negócio falam das grandes empresas, já que são os exemplos mais bem sucedidos, ainda que 90% das pessoas trabalhem em pequenas empresas, assim, essas deveriam, também, ser observadas, já que muitas dão exemplos e criam situações interessantíssimas.

Observar, apenas, os grandes, é como os que vêem apenas os adultos, mas e as crianças? E seus crescimentos? Criações, desenvolvimento, adaptações, descobertas, opções….

Nada do que é hoje, o é, sem um dia ter sido.

Se você tem uma idéia e quer criar algo, seja inédito ou não, reflita, questione, prepare-se e não se preocupe tanto com os livros que dão “a receita para o sucesso”, não dê valor a formas de enriquecer rapidamente, ou a pensamentos positivistas que, por si só, te fazem chegar lá.

As empresas são como a gastronomia, todas estão inseridas em um mesmo contexto, mas variam em forma, textura, aromas, sabores… nenhuma receita se repete, nenhuma experiência se “reexperimenta”, como sempre escrevo “Ninguém pode entrar no mesmo rio duas vezes”, dizia Heráclito.

E você, por qual estrada caminhará?

Que caminho tentará construir?

Até onde as tuas certezas são certas ou são dúvidas negadas?

Conhecer a você mesmo deve ser a sua maior ambição… a partir daí, enxergar os outros e ver os horizontes que se formam a cada dia será muito mais fácil.

Viver, de acordo com tuas possibilidades, mirando nas, até então, impossibilidades, te oferecerão desafios e te permitirão ser.

Lute para conseguir fazer o que gosta, é daí que surgem as grandes histórias.

Empreender é construir, é gerar, é desenvolver, fazemos isso ao longo da vida, milhares de vezes, assim, nada jamais é totalmente novo.

Ainda que não dê certo agora, um dia dará, um dia será, não, talvez, da forma que você idealizou, mas o importante é ver a construção pronta, as estruturas sólidas e o sonho iniciado já que realizado, jamais será.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s