Por que eu compraria o seu produto?

Essa é uma pergunta que faço quando desenvolvo consultoria.

Quando chego em uma empresa, me interesso em responder; Por que compraria dessa empresa e não daquela?

O que encontro aqui que não encontro lá?

Todos sabem responder, mas a maioria, com argumentos fracos e sem bases reais… a diferença entre uma e outra empresa, determina o sucesso ou fracasso.

Obviamente não há uma e sim muitas diferenças que, somadas, são as que promovem os resultados que o negócio oferece.

Em uma ocasião, conheci um bar/restaurante que tem um enorme sucesso… suas portas estão sempre cheias e há filas para sentar, seja de dia ou a noite.

Seu atendimento é conhecido por ser de primeira linha, seus preços bons, produtos excelentes e o dono está sempre por lá, fazendo com que seus clientes se sintam preferenciais e bem atendidos.

Receitas simples? Sem dúvida, mas quantos são capazes disso?

Um fato interessante é que recentemente ele se mudou… o espaço, já pequeno para comportar tanto sucesso, assim, foi trocado por outro maior, muito mais amplo e visível, ainda que esteja na mesma rua. Resultado?

Ainda mais espaço, mais pessoas, mais sucesso…

O detalhe é, ao seu lado, funcionava um pequeno bar… já sem tanto sucesso anteriormente, com a chegada do concorrente de peso, não resistiu e fechou as portas.

Mas o que poderia ter sido feito pelo pequeno?

O grande já era bem mais forte, conhecido e reconhecido, com muito mais poder de fogo, visibilidade e clientes, como concorrer com alguém que tem tanto sucesso e, se bater de frente, derruba o concorrente?

A resposta é única… não bater de frente.

Dentro de uma empresa, existem milhares de meios para se promover os produtos, desde o atendimento, ao preço, a qualidade do produto ou mesmo um produto inovador. Indo além, não há sentido em ter tudo isso se o cliente não souber, assim, sua divulgação é um preceito básico.

Ninguém, jamais, fará a mesma fórmula e executará as mesmas soluções.

Tentar “brigar” com alguém muito mais poderoso te levará ao chão, mas, se você souber usar a força do adversário, em seu favor, isso te oferecerá vantagens reais e imperdíveis.

Essas fórmulas são usadas por empresas há muitos anos, derivada de estratégias militares de generais bem sucedidos ao terem menos força e conseguirem maiores resultados.

O WalMart, hoje, é um gigante… mas quando começou, abriu lojas apenas em cidades pequenas para não enfrentar os gigantes que o esmagariam… deu certo, se fortaleceu, cresceu, hoje tem forças para estar onde quiser. A mesma estratégia foi adotada pelo Magazine Luiza.

Voltando ao nosso caso, veja que o bar pequeno, que fechou, pela mudança do grande ao seu lado, evidenciou uma briga desproporcional, assim, a “briga” tem que ser em busca de outro público e novas soluções.

Estar ao lado de um grande concorrente, quando se é pequeno, deve ser um meio para atrair, novos clientes, oferecendo novos e diferenciados produtos e tendo, em sua empresa, o que não se encontra em nenhuma outra, muito menos ao lado…

Use o rastro do maior para ir atrás e crescer com suas próprias pernas.

Lembre-se: Ninguém faz o mesmo da mesma forma, assim, espaço existe, sempre, qual você irá ocupar?

Analise, planeje, trace estratégias e responda com certeza, objetividade, consciência e imparcialidade… Por que compram o seu produto?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s